Jardim do Dharma
Bem-vindo ao Jardim do Dharma
topo

 

MATÉRIA PUBLICADA EM 25/09/2010

I Ching

Zopa Norbu usa de toda a sua criatividade e conhecimento na área para escrever o segundo livro sobre uma das filosofias encantadoras da China

Por Sonielson Sousa - Jornal O GIRASSOL

sonielson.ogirassol@uol.com.br

Foto: Zopa Norbu com o Ven. Lopon (doutor em teologia) Yamyang do mosteiro de Parping

Até bem pouco tempo o Ocidente, e particularmente o Brasil, não tinha acesso à vasta cultura milenar chinesa, conhecida apenas pela amplitude de seu território e pela bravura de seus guerreiros – muitas foram as tentativas de invasão daquele antigo país. A abertura econômica da China nos últimos 20 anos e a realização das Olimpíadas em Pequim, em 2008, foi o que faltava para que o mundo acordasse em relação não apenas à China, mas às potencialidades de todo o extremo Oriente.

Os livros “O Roubo da História (de Jack Goody – Editora Contexto) e “1421 - O ano em que a China descobriu o mundo” (de Ruy Jungmann – Editora Bertrand Brasil) também são excelentes fontes que, certamente, derrubaram muitos mitos a respeito da China e do Oriente como um todo.

As pessoas se surpreenderam ao saber que o vasto país representa muito mais que a Grande Muralha; invenções como o papel, imprensa, macarrão, seda, porcelana e a bússola são apenas alguns exemplos daquela cultura no plano material. No que se refere à contribuição imaterial, difícil é saber quem, entre os que dispõem de um mínimo de conhecimento do Oriente, nunca ouviu falar em Confúcio, Taoísmo e Tai Chi Chuan.

Pois bem, há um milenar livro Chinês – datado de 2.223 AC – que representa uma verdadeira Bíblia para a vida daquele povo, inclusive transcendendo qualquer credo religioso – deve-se lembrar que a China é pluri-religiosa. Trata-se do I Ching, usado inclusive pelos padres jesuítas, que tiveram acesso à obra tanto nas colônias da China quanto no Japão, interpretando as imagens na sua procura de um caminho moral que os leve a Deus.

No Brasil, um dos maiores especialistas no assunto é o Lama Zopa Norbu, o professor Roque Henrique Severino, argentino radicado em São Paulo desde 1978. Ele acaba de lançar o “I Ching – O Livro da Sabedoria”, publicado pela Ícone Editora (360 páginas). Trata-se do segundo livro do especialista sobre o tema, que teve acesso ao ensinamento antes mesmo de vir para o Brasil, quando tinha apenas 17 anos.

Zopa Norbu disse que sempre foi fascinado pelo I Ching, pois nele está contido o segredo da sabedoria “que nos permite encontrar a verdadeira felicidade”. De fato, para quem associa o I Ching apenas ao seu lado místico, certamente ficará impressionado ao perceber, sobretudo nesta obra do Lama Zopa Norbu, como o livro é permeado de reflexões sobre a existência, o caráter e a ética.

Além disso, esclarece o Lama, o livro possibilita que as pessoas superem todas as suas dificuldades, sejam as que aparecem no dia a dia ou treinamento interno (espiritual), seja para mostrar a causa primeira de todos os problemas, oferecendo um caminho de auto-superação. “E qualquer pessoa pode se beneficiar do I Ching, desde o presidente da Nação até uma dona de casa - cada um com suas responsabilidades - encontra no livro as respostas aos seus questionamentos mais profundos”, aconselha.

O Lama Zopa Norbu, além de escritor, é diretor da Kagyu Dag Shang Choling - Jardim do Dharma (www.jardimdharma.org.br), da tradição budista tibetana, e diretor/fundador da Sociedade Brasileiro de Tai Chi Chuan (estilo Yang Tradicional). Já fez mais de duas dezenas de viagens para o Oriente, seja para a prática de cursos, seja para participar de eventos nas áreas em que atua. Inclusive, por se envolver em frentes que, a princípio, parecem tão antagônicas, O GIRASSOL perguntou ao Lama como ele desempenha todas essas funções. “Todas elas [atividades] são complementares; o Tai Chi Chuan é conhecido no Ocidente com esse nome, porém na China é conhecido como a ‘forma das 13 posturas’. 13 é o número que inclui a teoria dos cinco elementos e os 8 trigramas que estão contidos no I Ching. Por este motivo quem treina Tai Chi Chuan e não conhece o I Ching é como se nunca o tivesse treinado”, explica o mestre, para em seguida emendar: “Escrever é minha forma de chegar a muitas pessoas.

Através dos livros publicados e dos artigos chego a todos os que de alguma forma têm ligações comigo”.

O “I Ching – O Livro da Sabedoria” é uma excelente opção para quem está (ou quer) conhecer-se a si mesmo, livre de fanatismo ou “tendência obscurantista”. Antes de mais nada, é um tratado para o homem/mulher que procura a retidão e a paz em si mesmo.

 

O GIRASSOL: O que motivou o senhor a enveredar neste fascinante mundo da mística Chinesa/Oriental? Considera-se um barqueiro que rema contra a maré do pensamento predominante no Ocidente?
Lama Zopa Norbu - A motivação vem desde minha infância, quando meu pai me levou para passear no porto de Buenos Aires; tinha um barco que vinha da Índia, e eu queria ficar dentro deste barco e "voltar" para a Índia. Como ele não me deixou - claro - lhe falei que iria caminhando. Bem, se passaram os anos e já fui 15 vezes a Índia, 5 a China entre outras tantas. Quanto ao barqueiro que rema contra a corrente, já que os discípulos de Buda assim são conhecidos, estou feliz por ser assim!

O GIRASSOL: Quais os principais benefícios que o uso do I Ching pode trazer à vida de uma pessoa?
Lama Zopa Norbu - O maior benefício é a felicidade que surge quando paramos de ter problemas e encontramos as soluções para todos os conflitos de nossa vida. Também como falou um mestre tibetano – já que toda a astrologia tibetana é influenciada pelo I Ching - você tem a possibilidade de saber até para onde foi o familiar por você amado que faleceu; têm métodos através da consulta ao I Ching de você saber isso e encontrar a pessoa. Inclusive é desta forma que se encontram os lamas reencarnados.

 

CLIQUE AQUI para ler a matéria, na íntegra, da forma que foi publicada


Serviço

- Para adquirir o “I Ching – O Livro da Sabedoria”, acesse http://www.dragaodosol.com.br/;
- Para receber a previsão anual feita pelo Lama, envie e-mail para secretaria@jardimdharma.org.br ou ligue para 11 3884-8943;
- Para conhecer mais sobre as atividades do Lama Zopa Norbu no Brasil, acesse http://www.jardimdharma.org.br ou http://www.sbtcc.org.br

 

 

 

Jardim do Dharma - Kagyü Dak Shang Chöling
ACESSE TAMBÉM:
Site SBTCC

Instale em seu celular ou tablet o aplicativo do Jardim do Dharma e receba atualizações
CLIQUE AQUI

Encontrou problemas no site? Por favor, CLIQUE AQUI e nos informe.
Ou mande um email para secretaria@jardimdharma.org.br

Este site é melhor visualizado em 1280 x 960